Bruno de Carvalho goza com o castigo que combinado entre Sporting e a Comissão de Instrutores da Liga

Depois de ter sido descoberto que Bruno de Carvalho combinou as datas dos castigos para não coincidir com o derby, segundo a imprensa, o presidente do Sporting, não joga pelas regras dos outros – seja no estilo retórico ou na obediência às sanções.

Veio a público na quarta-feira que BdC foi castigado com seis dias de suspensão pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), devido às declarações que escreveu na sua conta do Facebook – entretanto, esta já foi apagada – sobre António Salvador, presidente do Sp. Braga.

Ou seja, na teoria, BdC não poderia estar no banco do Sporting no dérbi lisboeta agendado para sábado; o regulamento disciplinar da Liga de Clubes impede o presidente do Sporting de ocupar o seu lugar no banco de suplentes, ponto. Mas isto é a teoria. Na prática, o presidente do Sporting não só goza, como provoca quem tentou fazer o arranjinho que lhe saiu furado, sentando-se no Banco de suplentes no derby.

Mesmo que a providência não seja analisada até sábado, BdC fará questão de ocupar o seu habitual lugar junto ao relvado, contrariando a decisão do órgão disciplinar da FPF. Caso contrarie a decisão do Conselho de Disciplina, Bruno de Carvalho pode voltar a ser punido com uma suspensão de três meses ao máximo de um ano, e uma multa até cinco mil euros. E sabe o que vai acontecer caso apanhe esta suspensão? Facil, recorre para o TAD e passado uns meses é como se nada fosse.

E viva o poder do Benfica!

Subscrever Blog via email

Indique o seu endereço de email para subscrever este site e receber notificações de novos artigos por email.

Junte-se a 1.255 outros subscritores

Siga-me no Twitter