A arbitragem de Jorge Sousa foi serena e segura. Um erro aqui e ali, mas globalmente esteve bem. Protegeu-se ao dar 4 minutos de compensação na primeira parte, devido às longas paragens de Marafona que o Dr. Mitroglou fez questão de parar.

O erro que podemos considerar grave foi a grande penalidade que ficou por assinalar aos 70 minutos sobre Pizzi. É verdade que ambos os jogadores caem dentro da área deixando dúvidas de quem faz cair quem. Mas o que é certo é que, principalmente o assistente, não viu Goiano a usar o braço para afastar a bola. Uma grande penalidade por assinalar sobre o Sport Lisboa e Benfica.

Um lance em que esteve bem, foi o ter validado o golo de Pizzi. Coutinho tem a clara intenção de jogar a bola, sobrado depois para Pizzi. A maioria dos ex-árbitros considerarão a decisão acertada. A maioria porque o mesmo do costume, Jorge Coroado, insiste em ler livros de arbitragem de há 10 anos. Quem vê uma grande penalidade “cometida” por um jogador que ataca,  está tudo dito.