Luís Filipe Vieira vê recurso sobre o seu castigo ser indeferido pelo TAD

1208

O presidente do Sport Lisboa e Benfica, Luís Filipe Vieira, tinha sido suspenso por 60 dias supostamente ter “lesado da honra e da reputação” contra “os membros dos órgãos da estrutura desportiva, elementos da equipa de arbitragem, dirigentes, jogadores, demais agentes desportivos ou espetadores”. Entretanto o clube da luz recorreu e o castigo ficou suspenso.

Hoje o Tribunal Arbitral do Desporto indeferiu o recurso apresentado em dezembro e manteve o castigo de 60 dias imposto ao presidente do Benfica. Luís Filipe Vieira terá de cumprir mais 30 dias.

Enquanto isto, outros presidentes lesão da honra e da reputação em público e no entanto não há castigos. A cuspidela no túnel de alvalade continua por decidir. As ofensas de dirigentes de Sporting e FC Porto continuam sem castigo.

COMPARTILHAR