Vieira: “Exige-se o bom senso da parte de todos os intervenientes“

8

O presidente do Benfica diz compreender a posição tomada pelos árbitros, que levantaram pedido de dispensa devido ao ambiente que se vive no futebol português.

«Exige-se o bom senso da parte de todos os intervenientes nesta importante industria que vive atualmente num caos e onde não queremos estar. Perante um quadro de coação, intimidação e ameaça é preciso dizer de forma clara que compreendemos a tomada de posição dos árbitros. Entendemos os seus motivos e as suas preocupações, e até seria natural que já tivesse surgido mais cedo», afirmou Luís Filipe Vieira, que discursava perante cerca de duas centenas de adeptos na inauguração da Casa do Benfica de Castro Verde.

Prosseguindo, o presidente dos encarnados apelou mesmo à intervenção do Governo, colocando-se ainda à disposição para encontrar uma solução conjunta.

«É preciso de uma vez por todas de acabar com estas situações, em salvaguarda da verdade desportiva. O Governo e quem superintende as competições profissionais tem de assumir as suas próprias responsabilidades. Se existe quem não seja capaz de impor regras rigorosas e claras, então que se encontre uma solução conjunta que normalize as competições. O Benfica, como sempre, está disponível para, de forma construtiva, ajudar a encontrar as melhores soluções», disse.

COMPARTILHAR