Benfica recorre do castigo de Rui Costa para o TAD

Advertisement

O Benfica recorreu para o Tribunal Arbitral do Desporto (TAD), e apresentou uma providência cautelar, do castigo de 16 dias de suspensão aplicado pelo Conselho de Disciplina da FPF a Rui Costa na sequência da expulsão do dirigente durante o clássico com o FC Porto no Estádio da Luz.

Recorde-se que os encarnados já tinham recorrido do castigo inicial para o Pleno do CD, organismo que indeferiu a solicitação.

Se o TAD der provimento à requisição do Benfica em tempo útil, Rui Costa poderá ainda vir a sentar-se no banco do Benfica no dérbi com o Sporting, agendado para o próximo sábado.