Bruno Lage: “Tínhamos de reconquistar os adeptos”

Advertisement

Bruno Lage estreou-se no comando do Benfica com uma vitória e não podia estar mais feliz. O treinador, que foi ‘promovido’ da equipa B dos encarnados à equipa principal depois do despedimento de Rui Vitória, deixou o relvado sob um forte aplauso dos adeptos.

Confiança

“Foi um bom jogo, nos primeiros 20 minutos a tentarmos entrar na partida, o Rio Ave aproveitou muito bem esse nosso desencontro e chegou à vantagem. Mas penso que estivemos sempre confiantes, tranquilos, reorganizámo-nos, reerguemo-nos e a capacidade de superação destes atletas foi magnífica. Os 3 pontos e a exibição a partir desses 20 minutos devem-se a eles.”

Aposta em João Félix e Seferovic

“Algo que pensei quando assumi foi tentar aproveitar o facto de termos vários pontos-de-lança e alterar o sistema. Mas isto vale o que vale. Se fosse sempre assim, todas as equipas jogavam em 4x4x2. Foi apenas uma opção. Já se tinha jogado em 4x4x2, conquistou-se muita coisa em 4x3x3, estes jogadores têm essa capacidade. Terminaram e em Portimão jogar em 4x4x2 e tentei tirar partido disso.”

 

Aplauso 

Isso não é o mais importante. Importante é olhar para os jogadores, os treinadores são aplaudidos, às vezes não são, o mais importante foi o trabalho dos jogadores. Claro que é um marco na minha carreira, a estreia na 1ª Liga, na Luz, com uma vitória e uma exibição convicente, mas o mais importante, repito, foi o trabalho que os jogadores fizeram. O que lhe pedi foi para reconquistarem este público, mostrarem os jogadores que são, os homens que são, pensar apenas no Rio Ave e depois logo se vê.”