Devolvam os 30 mil de multa por se pedir árbitros estrangeiros

Advertisement

Os jogos das ligas profissionais portuguesas passarão a ter, já a partir da próxima época, equipas de arbitragem estrangeiras a dirigi-los. A possibilidade, está há algum tempo em cima da mesa do Conselho de Arbitragem (CA) da Federação Portuguesa de Futebol, liderado por José Fontelas Gomes, que decidiu agora ser a introdução desta medida o caminho certo para a evolução da experiência internacional da arbitragem portuguesa e do quadro de árbitros e VAR.

Só vou recordar o que se passou quando o Benfica pediu árbitros estrangeiros.

A SAD do Benfica foi castigada com uma multa de 30.600 euros, pelas críticas públicas assumidas após o último FC Porto-Benfica, para o campeonato, em que os “encarnados” pediam árbitros estrangeiros para os jogos entre as duas equipas.

A nota publicada no site do Benfica, a 8 de Fevereiro, logo após o jogo do Dragão para a 20.ª jornada do campeonato, gerou um processo disciplinar que assim chega ao fim, com o Conselho de Disciplina (CD) a dar razão aos queixosos, ou seja o Conselho de Arbitragem (CA) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e a Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF).

Portanto o Benfica estava certo quando pediu árbitros estrangeiros.