Advertisement

Diogo Matos conquista a 3ª medalha para Portugal

O atleta do Benfica voltou a fazer história

Advertisement

Três vezes história. Diogo Ribeiro, nadador português de Coimbra, de apenas 17 anos, já é uma das figuras dos Mundiais juniores, que se disputam em Lima, ao conquistar este domingo mais uma medalha de ouro, a terceira. Depois dos 100 mariposa e dos 50 livres, Ribeiro, atleta do Benfica, sagrou-se campeão mundial júnior dos 50 mariposa, com recorde mundial júnior incluído.

Diogo Ribeiro bateu o checo Daniel Gracik, prata, e o dinamarquês Casper Puggaard, bronze. O tempo 22.96s é o melhor da história no seu escalão.

Antes do início de mais uma sessão de finais nos Mundiais de Lima, Diogo Ribeiro optou por abdicar de disputar as meias-finais dos 100 livres, onde poderia ter um interessante embate com o romeno David Popovici, que há duas semanas bateu o recorde mundial absoluto na distância durante os Europeus de Roma, onde Diogo Ribeiro foi bronze nos 50 mariposa.

A opção revelou-se acertada, com o português a garantir a sua terceira medalha de ouro, numa competição em que Portugal nunca tinha sequer ganhado uma medalha. Nas bancadas, a festa misturada com lágrimas da família foram visíveis e Diogo sublinhou no final o “ano intenso” que teve, agradecendo ao treinador e fisioterapeuta após uns Mundiais que o colocam definitivamente como um dos nadadores a ter em conta nos próximos anos.

DEIXE A SUA RESPOSTA

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Botão Voltar ao Topo