e-azia para determinados jornais

Para que as pessoas percebam de uma vez que estes veículos de comunicação não são imparciais, veja as capas de jornais de hoje. Tirando ABola que se portou da mesma forma na altura em que o Benfica foi acusado, todos os outros demonstraram aquilo que eu chamo de e-azia.

Ontem discutia com amigos a capa do Record. Que a chamada teria de ter Paulo Gonçalves para atenuar a vitória do Benfica e esconder aquela capa que fizeram quando saiu a acusação. Não é que precisemos deles para alguma coisa, porque não precisamos. O problema, para eles, é que não são imparciais. Vejamos as duas capas do Expresso.

Isto é uma demonstração de um e-azia profundo de quem hoje está a chorar e nós a rir. Depois de Ricardo Costa ter dito que o Benfica se iria arrepender, hoje certamente estará numa fila de farmácia na sua zona de residência. Mas não é o único.

Estes então é mesmo e-azia no seu estado puro.

Estes nem adianta falar muito porque estão a seguir o caminho do DN.