E-mails revelados nas redes sociais. “Porque não divulgou e-mails que comprovam a prática de crimes por parte da FCP SAD?”

Nem vou comentar a enorme defesa que a imprensa portuguesa(incluindo uma eurodeputada) tenta fazer ao hacker dos e-mails. Fazem a defesa porque do outro lado está o Benfica e toda a gente sabe que quando aparece o Benfica de um lado, a imprensa estará sempre do outro. É assim no futebol, é assim nas denuncias anónimas e será sempre assim porque dá audiências. E os culpados? Claro que somos nós. Porque não se fala da investigação que levou a um árbitro a descer de categoria depois das ameaças que teve? Porque não se fala das transferências do FCP-Portimonense-FCP? Porque não se fala no filho do vice presidente do FCP que será delegado do clássico de hoje? Porque do outro lado está o Benfica/benfiquistas a mostrar o que fazem às claras.

Voltando ao hacker. É, de facto, vergonhoso ver tanta gente a defender um ladrão. É como vê-los a defender uma pessoa que entra numa casa para roubar, não ter nada lá dentro para levar e vir a imprensa a dizer: “Pobre coitado do ladrão, entrou na casa e não tinha nada para levar. Não pode merecer castigo porque a casa é de uma pessoa importante”. Manipulam a população de forma a criar mais um julgamento público. Idêntico ao que fizeram no e-toupeira quando a Benfica SAD soube que ia ser arguida. É importante frisar que soube depois de toda a imprensa noticiar.
Mas este pobre miúdo que está a ser acusado, é o mesmo que alegadamente andou pedir “umas quantias modestas” para que não se revelassem e-mails comprometedores, tipo o “roubo” das bolachas da Magda ou a divulgação dos boletins médicos dos jogadores do Benfica. Até o David Beckham não escapou à alegada tentativa de extorsão.

Rui Pinto, segundo o seu advogado, «é um amante de futebol indignado com práticas vigentes neste desporto».Se assim é, porque motivo não entregou no DCIAP, ou tornou públicos, os documentos que disse ter que comprovam a prática de crimes por parte da FCP SAD? Vendeu-os?