Advertisement

Ex-candidato à presidência do FC Porto chora pela Volta à Portugal em Bicicleta

O choro de um ex-presidente que nem sabe a diferença entre eminência e iminência

Advertisement

O candidato à presidência do FC Porto, Nuno Lobo, chora pela decisão da UCI em banir a equipa do FC Porto da Volta à Portugal em Bicicleta.

O choro é de tal forma gritante que, em vez de criticar o doping no seu clube, chora pelos senhores que tentaram preservar a competição, afastando um grupo de batoteiros. Em vez de condenar a batota, condena quem quer uma competição limpa. Mas para que é que querem ganhar uma prova se lhes estão a retirar todos os troféus?

“Na eminência de o FC Porto, ganhar mais uma volta a Portugal em Bicicleta , arranjou se uma fórmula de a retirar de competição, foram meses a vasculhar e a tentar arranjar e forjar provas mirabolantes para a sua condenação. Acredito na inocência do FCP”, Escreveu o ex-candidato.

Mas alguém lhe pode dizer que o Alcaron ficou sem duas Voltas a Portugal por doping? E que clube representava quando venceu as provas? O FC Porto. Este é só um choradinho barato que os cartilheiros estão a passar. Até já existe quem ande a fazer entrevistas a ex-jogadores do Benfica para abafar o tema.

DEIXE A SUA RESPOSTA

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Botão Voltar ao Topo