Advertisement

Federação afasta jornalistas e árbitros da gala das Quinas

Advertisement

Um claro sinal do que se anda a passar na Federação Portuguesa de Futebol ao não se referir à arbitragem e colocar os jornalistas numa salinha.

O Lobby do FC Porto na Federação Portuguesa de Futebol continua a dar cartas. Só pode ser coincidência o tratamento que a Federação Portuguesa de Futebol deu aos jornalistas que marcaram presença na gala das Quinas.

 


Ficaram todos numa salinha bem longe dos protagonistas da festa e com a promessa de que no final, alguns iriam falar com eles. Numa altura em que o FC Porto anda de guerra aberta com a campanha da “comunicação social de Lisboa”, só pode ser coincidência o tratamento da Federação para com os jornalistas.

Também a Arbitragem foi visada pela sua ausência na gala. O Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol não esteve presente e tão pouco falaram neles. Não é como no Porto Canal que durante a semana pressionam o Artur Soares Dias e no domingo lhe dão prémios pelos seus feitos.

Este Conselho de Arbitragem que também está a ser visado pelo FC Porto, parece que não é bem visto pelos responsáveis da Federação. Se as pessoas não são boas e os seus trabalhos são miseráveis ao ponto de não marcarem presença no mundial, então têm de ser tomadas medidas como por exemplo mudar o Conselho de Arbitragem e o seu lobby de nomeações.

Leia também: Luís Vilar e o ataque vergonhoso a Julian Draxler

DEIXE A SUA RESPOSTA

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Botão Voltar ao Topo