Advertisement

“Foi ainda submetida à indignidade de ficar semi-despida para que pudesse continuar a assistir ao jogo”

Advertisement

Secretário de Estado do Desporto ​​​​​ recorreu este domingo às redes sociais para comentar o polémico episódio com uma criança no Famalicão-Benfica.

À semelhança de Pedro Proença, presidente da Liga de Clubes, também o Secretário e Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Correia, recorreu este domingo às redes sociais para comentar o polémico episódio no Famalicão-Benfica, no qual uma criança foi obrigada a tirar a camisola das “águias” que tinha vestida de forma a poder assistir à partida.

“Esta criança foi vítima de intolerância implacável num estádio de futebol por parte de representantes do promotor do jogo. Foi ainda submetida à indignidade de ficar semi-despida para que pudesse continuar a assistir ao jogo”, começou por escrever.

“Este incidente impõe o maior protesto. As entidades envolvidas têm de prestar esclarecimentos pelo sucedido”, concluiu João Paulo Correia.

A Federação Portuguesa de Futebol continua em silêncio sendo o maior responsável.

DEIXE A SUA RESPOSTA

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Botão Voltar ao Topo