Futsal: Uma vista de mergulhador

Advertisement

No domingo assistimos as duas excelentes equipas a proporcionarem mais um grande espectáculo que é o futsal. A equipa do Sport Lisboa e Benfica conseguiu atirar o jogo para prolongamento ao fazer dois golos nos segundos finais. Depois no prolongamento a equipa de Joel Rocha conseguiu a cambalhota no marcador, mas 2 erros graves colocaram o sporting na frente e vencendo assim o 2º jogo empatando a eliminatória.

Quem não esteve a altura deste jogo foi mesmo a equipa de arbitragem. Invalida o primeiro golo do SL Benfica na partida e no lance seguinte consegue expulsar o guarda redes Juanjo. No máximo seria amarelo uma vez que Bruno Coelho estava ao lado do guarda redes e chegaria facilmente à bola. O Internacional teve dúvidas, comunicou via rádio e decidiu expulsar o guarda-redes do Benfica. Depois disso assistimos a uma dualidade de critérios gritante e uma pressão louca na mesa por parte do treinador e elementos técnicos do sporting. A 6ª falta demorou a sair entre outras situações como o amarelo mostrado ao capitão do Benfica por o mesmo ter retirado a bola da mesa quando a outra se encontrava fora do terreno de jogo.

Outra situação que me revolta é a transmissão da RTP2/RTP1, que ao longo dos anos tem vindo a mostrar que não é nada imparcial chegando relatar golos do SL Benfica sobre forma de lamento e em forma de euforia lances e golos do sporting ou outra equipa. É uma vergonha ter um serviço público assim, são sempre os mesmos e a tendência é para continuar. Quando Jogamos em casa sempre temos a BTV, mas fora ver na sporting tv ou no canal público vai dar ao mesmo.

A muitos passou de despercebido mas o nosso clube chama-se Sport Lisboa e Benfica e não só Benfica como apresentam eles na transmissão. Isso e as inúmeras repetições que ficaram por mostrar. Como a BTV transmitiu através daquele canal, muitos foram os que estranharam a falta de repetições do lado do SL Benfica e a inúmeras repetições no sporting.

slbenfica