Grupo Cofina ataca Benfica reciclando notícias na tentativa influenciar adeptos e Odds na sua casa de apostas online

Para quem não sabe foi recentemente atribuida à Cofina uma licença para a exploração de APOSTAS desportivas à cota em que o jogador joga contra a entidade exploradora, no sítio na Internet www.nossaaposta.pt. CMVM

Para quem não percebe o impacto disto, oiçam da boca da insuspeita Maria José Morgado:

O Grupo Cofina, o tal que deve milhões infindáveis ao fisco, tem agora acesso à mais recente “arma” de esquemas de viciação de resultados.

O processo de obtenção desta licença tem já vários meses e curiosamente agora temos um grupo de comunicação social que:

… tem interesses nas APOSTAS desportivas;
… tem em curso uma campanha contra um clube de futebol, o SLBenfica;
… tem acesso a informação judicial;
… viola o segredo de justiça;
… tem colaboradores descaradamente “disponíveis a coincidências” pelo SportingCP

Já todos percebemos a rede de financiamento que foi montada pela aliança, certo?

Na década de 80, Pinto da Costa apoiou Joaquim Oliveira para se tornar o magnata da “mina de ouro” que financiava o sistema, os direitos televisivos. Em 2017 descobriram a nova “mina dourada”: AS APOSTAS ELETRÓNICAS!

Agora é fácil perceber porque o Record, Correio da Manhã e Sabado têm estado tão diligentes a assegurar que paire sobre o SL Benfica a suspeita de tudo e mais alguma coisa.

Brevemente veremos a imprensa a “esconder” lances de FC Porto e Sporting assim como resultados escandalosos a cobro das insinuações feitas ao Benfica Esta tática de distrair todos ao acusar o Benfica de um crime que na verdade é praticado por ambos já foi vista vezes sem conta… Quem não se lembra das acusações ao Rio Ave e depois foi o que se viu nos jogos do Portimonense e Estoril?

Subscrever Blog via email

Indique o seu endereço de email para subscrever este site e receber notificações de novos artigos por email.

Junte-se a 1.255 outros subscritores

Siga-me no Twitter

Subscrever Blog via email

Indique o seu endereço de email para subscrever este site e receber notificações de novos artigos por email.

Junte-se a 1.255 outros subscritores