O antigo vice-presidente do Sporting, Paulo Pereira Cristóvão, o líder da claque Juventude Leonina, Nuno “Mustafá” Mendes, e outros 15 arguidos conheceram esta sexta-feira a sentença, do processo dos assaltos violentos a residências na área da Grande Lisboa.

Pereira Cristóvão foi condenado a mais de sete anos de prisão e Mustafá a seis anos e quatro meses. Estavam acusados de pertencer a uma rede criminosa de assaltos violentos a casas na Grande Lisboa.

Sporting ataca o Benfica com “SLB Vida Selvagem”

Está explicado o comunicado.

Vídeo: Encontrámos um documentário do “SLB Vida Selvagem”