Hoje não joga o eleições, joga o Benfica

PUB

Tenho assistido em silêncio sobre o tema eleições do Benfica e não publicando ou anunciando a candidatura de ninguém. Assisti ao regresso de Jorge Jesus com naturalidade esquecendo as guerras que aqui travei quando o Benfica era atacado. E nunca tive dores de coluna. Uma das coisas que aprendi no futebol foi o que acontece dentro das 4 linhas, fica nas 4 linhas. E por mim Jorge Jesus é o treinador do Benfica esperando que tenha mais sorte que aquela que teve na sua primeira passagem.

Mas antes de Jorge Jesus há 2 jogos. Um dérbi e uma final da taça, frente ao FC Porto e pelos vistos há um clube mais importante para alguns Benfiquistas que o próprio Benfica. O Eleições. Nos últimos tempos vejo tanta energia que podia ser canalizada para defender o clube dos ataques rivais. No entanto essas energias servem para a equipa do Eleições fazendo com que alguns dos Benfiquistas andem uns contra os outros a ver quem tem mais tacho, quem é mais do Eleições A, B ou C, do come ou fica com fome e do In/Out.

PUB

O mais giro disto tudo é que dependendo de se defender A ou B está tudo a afastar-se do objetivo principal, o Benfica. Faltam 2 jogos para ganhar e em vez de se puxar pelo BENFICA, só se fala de candidatos e presidente.

Até as claques do Sporting que luta por um 3º lugar, dão mais apoio. Hoje tivemos uma história de assinaturas e de umas alegadas expulsões do recinto do jogo que vai ter como cartaz principal SL Benfica e Sporting. Parece que para alguns o cartaz principal, era furar as regras impostas pela DGS e criar mais um motivo para o Benfica ser falado.

Eu quero é ganhar ao Sporting e ganhar a final da taça. Eleições é em outubro.

Agora podem insultar e continuar na guerrinha. Disse!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.