Imprensa internacional bem diferente do tugão e da falta fora da área

Advertisement

O FC Porto foi derrotado por 2-0 pelo Chelsea em Sevilha, na primeira mão dos quartos de final da Liga dos Campeões, e enquanto por cá querem um penalti fora da área, lá fora os destaques são bem diferentes da eliminatória anterior em que a Juventus se queixa de dois penaltis. Houve quem falasse do cinismo do conjunto londrino, de um Chelsea demasiado forte para os ‘dragões’ e de uma “lição de realismo” para os atuais campeões nacionais.

Em Itália, a ‘Gazzetta dello Sport’ fala de um “Golpe do Chelsea ao Porto”, enquanto em França o ‘France Football’ diz que “O Chelsea deu uma lição de realismo ao FC Porto” e o ‘L’Équipe’ titula: “Chelsea pune Porto sem convencer”.

Já em Inglaterra, o ‘The Sun’ fala num “Cruzeiro dos ‘Blues'”, que com os golos de Mount e Chilwell “tomaram conta da eliminatória”. Por fim, o ‘Mirror’ sublinha que “o valor e a força do Chelsea foram demasiado para o Porto”.