Saíram notícias de que a fuga de informação está na Liga ou na Federação Portuguesa de Futebol. Como ambas trocam contratos entre si e as marcas demonstram que é um desses organismos, o Benfica vai mover um processo contra essas entidades. No entanto o Benfica já reagiu à tentativa de defesa destes organismos por parte dos criminosos.

Enquanto o processo entra e não entra, a Liga de Clubes bem como a Federação Portuguesa de Futebol, colocaram a circular pela imprensa que estão a ser alvo de ataques informáticos. Não deram a cara como sempre e parecem não estar preocupados.

Hoje saiu mais uns contratos de jogadores do Benfica na tentativa de demonstrar que a fuga não é da liga nem da FPF. E o que fizeram? apagaram as assinaturas. Isto demonstra que tanto a Liga como a FPF nada fazem para terminar com este crime. E ainda têm a “sorte” de ter os criminosos a tentar ilibar estes organismos. Tendo a Sónia Carneiro na Liga e o Tiago Craveiro na FPF, o Benfica bem pode esperar que estas entidades façam alguma coisa.