Luís Filipe Vieira exigiu resposta e reação imediata já na quarta-feira

Advertisement

Luís Filipe Vieira ficou desagradado com mais um resultado negativo da equipa, o último dos quais no empate a dois golos com o Portimonense, e já demonstrou o seu descontentamento ao plantel, tendo convocado para esse efeito uma reunião no Seixal com os capitães de equipa.

O líder dos encarnados reuniu os líderes do grupo e, além de lhes fazer ver o seu profundo descontentamento pelas exibições realizadas desde o reinício do campeonato, Vieira pediu explicações a Jardel, André Almeida e Pizzi para tentar perceber o que justifica a má reentrada após a paragem. Em paralelo, exigiu resposta e reação imediata já na quarta-feira, em Vila do Conde, onde o Benfica mede forças com o Rio Ave.

Luís Filipe Vieira mantém a ideia de que se o plantel alcançou bons resultados no início da temporada, é porque tem qualidade e todas as condições para apresentar um rendimento mais aceitável e produtivo, algo que não tem acontecido neste regresso à competição e que já se verificava desde fevereiro. Na altura, os encarnados deixaram escapar uma liderança de sete pontos de vantagem sobre o FC Porto.

Depois do empate a zeros com o Tondela, que teria dado a liderança isolada às águias, Vieira confrontou todo o grupo no balneário. Desta vez, deixou arrefecer a igualdade a dois golos em Portimão – onde o Benfica esteve a ganhar por 2-0 -, que deixou o FC Porto destacado no primeiro lugar, com dois pontos de avanço. Vieira esteve no Seixal no regresso aos treinos e optou por questionar os capitães.