Miguel Sousa Tavares e o CashBall: “60 mil euros em cash, se não para comprar pacotinhos de droga seriam para quê?”

Advertisement

Na sua opinião habitual Miguel Sousa Tavares trouxe a operação CashBall que a imprensa tenta escrever o mínimo possivel. De facto uma confissão de um crime durou apenas uma semana de show nas tv´s portuguesas. Já as suspeitas, que na maioria infundadas, continuam a arrastar-se pela comunicação social porque se trata do Benfica. Isto se querem pequenos almoços e lugares onde possam trabalhar.

Se no Benfica para revelar o que andam a fazer as autoridades, chegam a violar o segredo de justiça, no Sporting fazem-se de meninos bem comportados. Mas Miguel Sousa Tavares deixou uma simples questão que até hoje não foi respondida. Para que seriam os 60 mil euros em cash?