Nacional reage às palavras do presidente do Benfica

Advertisement

Antes de começar dizer que nenhuma imprensa desportiva, nem mesmo no online, ainda não referiu qualquer processo colocado pela FPF a Theodoro Fonseca. Tivesse este emprestado dinheiro ao Benfica, até na CMTV tínhamos abertura o dia inteiro. Mas vamos ao Nacional.

Os madeirenses colocaram uma nota sobre as palavras do presidente do Benfica recordando um jogo de 2015/16. “Na época 2015/16 o Nacional tinha a oportunidade de chegar às meias-finais da Taça de Portugal. O sorteio dos quartos de final ditou como adversário o Gil Vicente, então na II Liga, num jogo agendado para a quarta-feira, em Barcelos”, começa por dizer o clube madeirense.

“No domingo antes o calendário da 1ª Liga ditou a receção ao Benfica, num jogo interrompido aos 8 minutos devido ao nevoeiro. O Benfica exigiu o cumprimento dos regulamentos, recusando o adiamento para outra data, pelo que o encontro acabaria por se reatar pelas 12 horas de segunda-feira, jogando-se os 82 minutos em falta. Dois dias depois o Nacional jogava em Barcelos e o Gil Vicente, aproveitando bem o desgaste da formação alvi-negra, acabou vencendo por 1-0. A derrota sofrida neste dia tirou ao Nacional a possibilidade de chegar às meias-finais da competição”, finaliza.

Justificação pífia e sem nexo nenhum. 1- Não é o Benfica que tem problemas de nevoeiro no seu estádio. 2- tivesse a liga tomates, nem naquele estádio jogavam. 3- O Benfica nessa altura aceitou qualquer jogador para poder adiar o jogo conforme fizeram esta temporada.

Tiveram a oportunidade de adiar e não quiseram porque viram uma vantagem. Só aceitariam adiar se fosse emprestado um jogador do Benfica. Ao ouvir disto o que é que a liga fez? Nada!

Resumindo e concluindo, que desçam de divisão.