Novas buscas sem diretos ou programas de análise

Advertisement

Não houve futebol na semana em que passou devido às seleções como desculpa para não termos diretos à porta dos estádios dos visados e especiais até altas horas. A Polícia Judiciária fez várias buscas a empresas ligadas com o FC Porto e o Portimonense onde o principal visado é Theodoro Fonseca. O maior acionista individual do Portimonense é suspeito de envolvimento num esquema de transferências com os azuis-e-brancos.

Os negócios de Danilo Pereira, Paulinho, Galeno, Fede Varela, Rafa Soares ou Everton, poderão configurar crimes de fraude fiscal e branqueamento de capitais. 0 novidades para quem, como nós, temos “denunciado” nas redes sociais.

Como não há diretos no Dragão e até se cancelam buscas a meio, não adianta dar o mesmo tratamento que foi dado ao Benfica quando era buscado por denuncias que hoje facilmente se provam que são infundadas.