O Coordenador da Formação FC Porto fala em ofertas pornográficas na formação nos valores... de 3 dígitos | Hugo Gil

O Coordenador da Formação FC Porto fala em ofertas pornográficas na formação nos valores… de 3 dígitos

O responsável pelos escalões de formação do FC Porto, sem nunca mencionar nomes porque as despesas na comunicação já passam os 3 dígitos, diz ser necessário perceber que “a formação requer bastantes cuidados a longo prazo” e mostrou-se preocupado por saber que “há um clube da capital que tem uma aposta desmedida e uma aposta cega na formação”. Admitindo que possa estar a falar do Benfica, de facto é preciso ter lata. Mas antes andar a oferecer condições na ordem dos 3 dígitos do que andar a ser condenado a pagar ao rival, valores na ordem dos 7 dígitos por uma comunicação incompetente. José Tavares deveria estar mais preocupado com a despesa da comunicação do FC Porto do que as ofertas dos 3 dígitos.

Mas adiante.

“Quando se oferecem valores de três dígitos às famílias de jogadores de 12, 13 anos como prémio de assinatura, a este nível são ofertas pornográficas”, salienta José Tavares, em entrevista ao jornal ‘O Jogo’, acrescentando ser “preocupante saber que tipo de jogadores vamos ter daqui a 10, 12, 15 anos e que tipo de valores os jogadores vão começar a ter”.

Pub

O José Tavares deveria expor a contratação do Fábio Silva ao Benfica. Quais foram as condições oferecidas para o jogador sair do Seixal, sabendo que ali seria bem mais valorizado que no FC Porto que, como nós sabemos, não aposta na formação. Será que a oferta não passou os 3 dígitos? Ou a promessa foi de fazer a pré-temporada na equipa principal para depois ser recambiado para a B?

José Tavares deixou ainda mais considerações sobre esta situação. “Podemos estar a cometer erros muito graves fruto desta pornografia financeira para jogadores com 12, 13 anos e para famílias, algo que pode não correr muito bem.” Quando se tem um centro estágio pago na ordem dos 3 dígitos, como pode um clube não conseguir igualar os números dos rivais? É para corar de vergonha ou não?

Questionado se está a falar do Benfica, o responsável portista reiterou a ideia sem nunca mencionar nomes. E quanto a isso eu chamo de medo.

“Estou a falar de um clube da capital que dizem que tem uma aposta cega na formação e que oferece quantias astronómicas e pornográficas a jogadores de 12, 13 anos do FC Porto e de outros clubes”.

CONTINUAR A LER