O jornalismo que não te merece

Advertisement

Aposto que se fosse outro jogador que não o do Benfica, o Record chutava para canto um reforço de uma fonte “básica”.

Fosse um Fábio Silva o melhor jogador da Premier League, OJogo ignorava o arruaceiro dos relvados e voltava a falar no valor da formação do FC Porto.

Um feito como o de Rúben Dias, em que só Cristiano Ronaldo conseguiu, era para ter destaque em todos os jornais e não só no que dá valor aos feitos dos atletas.

Parabéns Rúben e que continues a mostrar o teu valor.