O presente de Jorge Jesus é o Benfica como sempre disse

PUB

O jornal ABola diz que “Não é o momento” e que o “presente de Jorge Jesus é o Benfica, entendendo o treinador que esta não é a altura ideal para voltar ao Flamengo, por mais vontade que dirigentes e adeptos do emblema brasileiro desejem”.

Aquela tanga do presidente do Benfica estar irritado com o treinador do Benfica é igual à tanga do plantel estar irritado com o presidente, depois do jogo com o Sporting. São petas atrás de petas para alimentar a contestação no Estádio da Luz. E quanto mais contestação houver, mais a Cofina vende. Não é preciso ser bruxo para constatar factos.

Hoje foram lançados nomes para suceder o atual treinador do Benfica, antes dos jogos importantes. Já o fizeram no inicio da temporada, na qualificação para champions, voltaram a tentar assim que soube o grupo do Benfica e agora tentam quando Benfica está à beira de dois jogos importantes frente ao FC Porto e a um possível Sporting na Taça da Liga. O Benfica respondeu dentro de campo mas não chega.

É tempo de começar a pedir responsabilidades a quem utiliza todos os meios para vender e captar mais audiência. A produção de campanhas contra o Benfica, que se mostraram falsas, injuriosas e difamatórias para a imagem do clube e de quem os representa têm de acabar. É tempo das autoridades como a ERC começarem a limpar o jornalismo do vale tudo. Não é só o futebol que precisa de limpeza, também quem diariamente usa a difamação para conseguir mais vendas de jornal. Isto não vai lá só com o não comprar e não ver. Tem de se ir mais fundo. Não adquirir produtos que patrocinam o lixo que produzem nas tv´s e jornais.

DEIXE A SUA RESPOSTA

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.