O VAR dos Países Baixos que não interessam à FPF

PUB

Está a ser divulga nas redes sociais uma imagem do artigo sobre o VAR que mudou a maneira de trabalhar nos Países Baixos.

Os Países Baixos têm o áudio dos VAR´s divulgados e os árbitros falam nas conferências de forma a justificar as decisões. Um campeonato bem mais avançado que o nosso ao ponto da Federação estar do lado do treinador quando existem razões de critica como aconteceu com as últimas declarações de Roger Schmidt.

No que toca às linhas do VAR, o campeonato dos Países Baixos tem as regras muito claras. Se as linhas estiverem juntas, a decisão é a de validar o golo. Não há cá 5,5 pixéis ou 4 pixéis ou frames à frente ou atrás.

Num campeonato português sério, a FPF deveria ser pioneira em usar todos os bons exemplos de outros campeonatos. Redução de equipas para uma melhor competitividade e por conseguinte venda do campeonato, uma arbitragem fora do lixo da atual sem ex-árbitros de futebol de praia a lidera-la e uma tecnologia de ponta usada por profissionais e não por pessoas do apito dourado.

Estas mudanças mudariam o campeonato em Portugal. Como o narcocampeão não ganharia trofeus, não se vai fazer nada.

DEIXE A SUA RESPOSTA

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.