Pedro Proença mostrou-se satisfeito com a decisão da UEFA em adiar a conclusão da temporada de clubes até 30 de junho, confirmando que o Campeonato da Europa vai realizar-se apenas em 2021. Desta forma, acredita o presidente da Liga Portugal, há uma probabilidade de terminar a época em tempo útil.

«Equacionar uma liga sem um campeão ou que não se perceba por mérito desportivo quem acede à Liga dos Campeões ou à Liga Europa era absolutamente terrível para o planeamento da próxima época. Com o sinal que a UEFA deu, estamos na antecâmara de voltar com maior celeridade à normalidade das competições», disse o dirigente.

Em declarações à SportTV, Pedro Proença explicou que será preciso esperar mais algum tempo para perceber a evolução do coronavírus em Portugal: «A decisão da UEFA revela bem o sentimento generalizado de bom senso. Era obrigatório dar espaço às provas nacionais. para que pudessem terminar de forma tranquila, para a próxima época ser restabelecida de forma normal.»

«Neste momento ganhou-se um mês e meio para ver como a curva do Covid-19 vai comportar-se. Trabalhamos sobre um cenário desconhecido mas esta janela vai permitir concluir e permitir por meritocracia apurar os campeões, quem vai à Europa e quem vai descer», concluiu o presidente da Liga Portugal.