Pinto da Costa queixa-se fala do iva nas touradas mas “esqueceu-se” de falar nos milhares que entram no Porto Canal

Publicidade

É preciso ter vergonha na cara para vir criticar algo que o seu clube tem por outras vias. Ontem o presidente do FC Porto, Pinto da Costa, mostrou-se indignado com o IVA nas touradas em comparação com o IVA nos bilhetes para o futebol. Esqueça a parte em que até poderia ter razão, porque toda a gente sabe que se o IVA fosse a 6% o Benfiquista continuaria a pagar mais pelos bilhetes fora que o FC Porto. Para o Benfiquista será sempre igual e há vários exemplos sobre isso.

Acontece que o arguido no caso dos e-mails “esqueceu-se” dos milhares que entram no Porto Canal. Dinheiro vindo dos nossos impostos que vai para um canal que está ao serviço do FC Porto. Vejamos um exemplo que corre nas redes sociais.

Publicidade

Outro exemplo

Dinheiro dos contribuintes no FC Porto Canal já passa dos 2 milhões de euros

Outro exemplo

E as buscas ao Porto Canal no caso do Turismo do Norte? Não se investiga estes contratos?

Depois temos a parte em que o FC Porto paga 500 euros de renda por um complexo desportivo onde treina a equipa do FC Porto. Complexo que custou milhões.

Em 15 anos de Centro Treinos do Olival, FC Porto pagou apenas 90 mil euros de renda num gasto de 16 milhões

Para não falar no estádio Jorge Sampaio e no complexo de piscinas. E ainda há um alegado novo centro de treinos. Portanto, Pinto da Costa não tem moral nenhuma para vir falar do IVA nos bilhetes de futebol porque o clube que mais beneficia com o dinheiro dos contribuintes é o FC Porto.

Pub

Subscrever Blog via email

Indique o seu endereço de email para subscrever este site e receber notificações de novos artigos por email.

Junte-se a 1.255 outros subscritores