Portomonense em mais um negócio à tuga

Advertisement

O FC Porto quer Beto e o Portimonense deseja o regresso de Nakajima. Sim, é isso mesmo que leu. Depois dos empréstimo de dinheiro, dos jogadores devolvidos e dos contratos investigados, temos mais um negócio brilhante em que o Portimomense sai a perder. Uma cláusula de rescisão, cifrada em €40 milhões, que o avançado do clube algarvio tem inscrita no seu contrato, válido até junho de 2023.

O FC Porto oferece apenas 10 milhões e jogadores que já representaram o Portimonense. Falamos de Nakajima e Ewerton. Jogadores e negócios que estão a ser investigados.

Portanto tudo isto é permitido e ninguém questiona o vai e volta de jogadores entre FC Porto e Portimonense. Nem uma capa do Público.