Presidente da MAG emite comunicado

Advertisement

Caros Consócios, Caros Benfiquistas:

 

Procedemos ontem, através da colaboração de cerca de 30 trabalhadores e dirigentes da empresa multinacional PROSEGUR, contratada pelas estruturas do Benfica, à contagem dos votos físicos depositados nas urnas, após o exercício de votação por meio eletrónico dos Sócios que, em 28 de outubro passado, se apresentaram nos diversos locais de votação para elegerem os Órgãos Sociais do Sport Lisboa e Benfica.

 

Verificámos que todas as urnas se encontravam com todos os selos em perfeito estado, facto que atesta que nenhuma urna foi objeto de qualquer tentativa de abertura e a chave, que permitiria a abertura de qualquer uma, se encontrava em envelope também devidamente selado.

 

Todas as urnas foram recolhidas em outubro passado pela empresa multinacional alemã REISSOLF – Secret Service e guardadas nas suas instalações secretas e transportadas por ela própria no dia de ontem para a empresa PROSEGUR, onde se procedeu às suas aberturas e contagem dos votos depositados.

 

A qualidade de todos os votos apresentava-se em excelente estado, não merecendo qualquer dúvida, em qualquer voto, a indicação da lista votada e o número de votos expressos.

 

O total de urnas foi de 34, sendo 24 de pontos de votação fora de Lisboa e 10 do local de votação do Pavilhão junto do nosso Estádio.

 

Das 24 de fora de Lisboa, constatámos que só sete demonstraram algumas divergências entre o total de votantes indicados pelo voto eletrónico e o voto físico:

Urna 2 – Algueirão/Mem Martins. Voto eletrónico: 1791 votantes; voto físico: 1787 votantes. Diferença de menos 4 votantes;

Urna 6 – Castelo Branco. Voto eletrónico: 569 votantes; voto físico: 558 votantes. Diferença de menos 11 votantes;

Urna 13 – Leiria. Voto eletrónico: 1107 votantes; voto físico: 1106 votantes. Diferença de menos 1 votante;

Urna 14 – Montijo. Voto eletrónico: 1558 votantes; voto físico: 1557 votantes. Diferença de menos 1 votante;

Urna 20 – Seixal. Voto eletrónico: 1469 votantes; voto físico: 1466 votantes. Diferença de menos 3 votantes;

Urna 21 – Viana do Castelo. Voto eletrónico: 418 votantes; voto físico: 415 votantes. Diferença de menos 3 votantes;

Urna 24 – Viseu. Voto eletrónico: 707 votantes; voto físico: 704 votantes. Diferença de menos 3 votantes;

Urnas 25 a 34 – Lisboa. Voto eletrónico: 13 922 votantes; voto físico 13 799 votantes. Diferença de menos 123 votantes.

As diferenças verificadas entre o número de votantes das sete urnas indicadas e as 10 de Lisboa foram distribuídas, essencialmente, pelas Listas A e B e a diferença total de votantes não ultrapassou os 139 votantes, que representa cerca de 0,35% em relação ao total de votantes em todo o ato eleitoral.

Sem dúvida que podemos concluir que o voto eletrónico é fiável, mas deixo aos caros consócios e simpatizantes do Benfica tirarem as suas conclusões.

Termino, desejando a todos os que se encontram de férias uns agradáveis dias de repouso e à nossa equipa de futebol que vai iniciar a sua caminhada para ingresso na Champions que ela seja corroborada de sucesso para alegria de todos nós.

Saudações Benfiquistas!

Lisboa, 1 de agosto de 2021

António Pires de Andrade