Programa Chama Imensa, Twitter e Luís Bernardo castigados enquanto Porto Canal, Sporting TV e diretores continuam sem castigo

O Benfica foi condenado a pagar uma multa de 6120 euros na sequência do processo instaurado pelo Conselho de Disciplina (CD) por declarações proferidas no programa Chama Imensa da BTV, emitido a 20 de novembro de 2017.

Podemos ver que para o Conselho de Disciplina praticar crimes num canal não vale qualquer multa. Atacar árbitros todas as semanas pelos vistos não vale multa. O Benfica abre a boca e é multado. Vejamos um dos exemplos em que o ataque a um árbitro valeu as paredes vandalizadas.

Houve uma causa efeito e o que fez o CD? Repudiou apenas e apontou o dedo aos agentes desportivos sem mencionar quais.

Mas no programa da BTV é que é multado porque se falou sobre um alegado esquema de influência sobre os árbitros. Porreiro!

O CD anunciou também que o diretor de comunicação do Benfica, Luís Bernardo, foi suspenso por 22 dias e condenado ao pagamento de uma multa de 1377 euros à conta de uma publicação na página do Twitter da Direção de Comunicação do Benfica, que lembrava a ligação do assessor do Sporting para a arbitragem, Hernâni Fernandes, a Hugo Miguel, árbitro do dérbi lisboeta de 3 de janeiro, do qual foi assistente. O mesmo não acontece com o Twitter e Facebook dos Directores de comunicação do FC Porto e Sporting. Eles que até chegam a manipular imagens quase todas as semanas.

O Benfica identifica os erros dos ex-colegas de Hernâni Fernandes, que beneficiaram o Sporting e apanha multa. O FC Porto pode falar em padres que está tudo bem. O Sporting pode criticar tudo e todos na arbitragem que não há castigo.

É isto que nós temos!!! Impunidade para uns e castigo para outros. Não foi o FC Porto e Sporting que disseram que o Benfica tinha o polvo? Aí está ele!

Subscrever Blog via email

Indique o seu endereço de email para subscrever este site e receber notificações de novos artigos por email.

Junte-se a 1.255 outros subscritores

Siga-me no Twitter

Subscrever Blog via email

Indique o seu endereço de email para subscrever este site e receber notificações de novos artigos por email.

Junte-se a 1.255 outros subscritores