Revista Sábado manipula caso dos Vouchers, escondendo que a imprensa já tinha as respostas dos 180 árbitros

Advertisement

É este tipo de gente que vive a plantar mentiras em torno do Benfica. Bastou uma simples pesquisa no google, para perceber que as datas sobre os e-mails, no caso dos vouchers, que estão na Sábado, não batem certo.

Diz Carlos Rodrigues Lima que “o presidente do SL Benfica, Luís Filipe Vieira, muito provavelmente já saberia o que é que os árbitros testemunharam acerca daquela matéria”. No processo dos vouchers, Luís Filipe Vieira prestou declarações na Comissão de Instrução e Inquéritos da Liga a 11 de Novembro de 2015.

[su_expand more_text=”CONTINUAR A LER” height=”0″ hide_less=”yes” link_color=”#ff0100″ link_style=”button” link_align=”center” more_icon=”icon: arrow-down”]Ora no dia 11 de novembro e até antes, a imprensa escrita, já falava do que tinham dito os 180 árbitros. “Os 180 árbitros, assistentes e observadores responderam todos da mesma forma. Seguiram uma minuta criada pela APAF (Associação Portuguesa de árbitros de Futebol) e confirmam que o Benfica e outros clubes ofereciam lembranças nos mesmo termos e contextos”.

Na TSF até dizem “Nestas respostas, a que a TSF teve acesso, os árbitros não confirmam convites para refeições feitos pelo Benfica”.

Link http://www.maisfutebol.iol.pt/sporting/benfica/arbitros-garantem-respeitar-limite-de-183-euros-para-lembrancas

Link https://www.tsf.pt/desporto/interior/arbitros-garantem-que-todos-os-clubes-dao-lembrancas-4880177.html

Link http://www.maisfutebol.iol.pt/polemica/apaf/prendas-a-pergunta-sobre-o-benfica-e-as-duvidas-dos-arbitros[/su_expand]