Sampdoria poderá ser testemunha do Inter contra o Sporting

Advertisement

O Sporting diz que “foi usado um expediente para que o Inter e o jogador João Mário se procurassem eximir ao que contrataram com o Sporting em 2016” e ameaçou com o tribunal.

Do lado do Inter certamente que vai ter como testemunha o Sampdoria, porque o Sporting defendeu-se em tribunal que não tinha de pagar qualquer valor à Sampdoria relativo aos 10% da mais-valia do negócio de Bruno Fernandes para o Manchester United. Ficou com 4,6 milhões de euros, que deveriam ter sido pagos ao clube italiano.

Usaram a rescisão de contrato de Bruno Fernandes, com o Sporting, devido aos acontecimentos de Alcochete, como argumento para que o Sampdoria não recebesse quaisquer valores da transferência do jogador.
O Sporting hoje queixar-se em tribunal de algo que já fizeram muito recentemente.