Será por isso que o César Peixoto se demitiu?

Advertisement

Em mais um episódio na liga faz de conta, temos o 6º penalti em 7 jogos no Dragão. Tudo isto acontece num ano em que presidente do Conselho de Arbitragem disse que iria haver menos penaltis. FC Porto tem 7 a seu favor em 12 jornadas e é a equipa com mais golos por pontapés de penalti à frente do Sporting.

O penalti aqui não está em causa porque de facto, é daqueles penaltis que nem os escolinhas faziam. Fazendo de conta que o jogador que o comente, é um ex-jogador do Benfica e o jogo é contra o Benfica. Fazendo de conta que o treinador se despede por intromissão da direção nas escolhas do 11, antes de um jogo do Benfica e que não há centrais indisponíveis, para ter uma desculpa para utilizar um ex-jogador do Benfica, imagine o que seria.

Já percebemos porque é que o jogador não ficou no FC Porto. Num clube em que não se pode assinalar penaltis contra, este jogador não servia pois faz muita falta infantil. Também se percebe porque é que o César Peixoto se demitiu. Ter tanto central disponível e ter de levar com um destes que não joga contra o Benfica e Sporting mas tem de jogar contra o FC Porto… nenhum treinador aceitaria.

É esta a liga faz de conta.