Acusam o Benfica de ter toupeiras aqui e ali mas afinal as toupeiras andam para os lados de Alvalade.

Um dos pontos referidos na ata da reunião dos órgãos sociais do Sporting divulgada este sábado aos sócios refere o anúncio por parte de Bruno de Carvalho, da existência de um relatório da Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL) que iliba o Sporting dos ataques que ocorreram à Academia de Alcochete, no passado dia 15.

“O Presidente do CD [Conselho Diretivo] disse que aproveitava para dar uma novidade: que existe um relatório da PGDL que diz que o Sporting não teve responsabilidade no que aconteceu. Relembrou que os advogados dos atacantes, quando questionados pêlos jornalistas, sobre Bruno de Carvalho, disseram expressamente que não foi feita nenhuma menção ao mesmo. Isto foi confirmado pelos agredidos, pela policia e pela PGDL. Recordou que ASPP confirmou expressamente em comunicado o não envolvimento da SAD nos lamentáveis acontecimentos da Academia. Mais disse que tem estado sempre a trabalhar e que os órgãos de comunicação social dizem sempre as mesmas coisas; não houve prova ou indícios de envolvimento do Conselho de Administração da SAD, antes pelo contrário”, pode ler-se no documento que foi enviado por e-mail aos associados.