Vídeo: Pepe recusa cumprimentar uma criança depois do jogo

Não cumprimentar um treinador, um colega de equipa ou até mesmo um adversário, tudo bem. Agora uma criança? Que raio de pessoa é o Pepe para recusar cumprimentar uma criança que talvez até passa ser do FC Porto e o veja como ídolo.

Estamos a falar de um jogador que veste as cores da selecção. Estamos a falar de um jogador experiente e não de um jovem. Apesar do texto do vídeo não ser da minha autoria, só ficaria bem ao Pepe pedir desculpa ao miúdo e dar-lhe a camisola, no mínimo da selecção. Por vezes podemos estar chateados quando as coisas não correm bem, mas as crianças são a melhor coisa do mundo e esta atitude em nada beneficia o futebol e a selecção.