A flash ficou marcada pela falta de perguntas sobre o penalti mal assinalado a favor do FC Porto. Mas antes o treinador do FC Porto só faltou bater no seu jogador em pleno relvado.

Sérgio Conceição agarrou o braço de Nakajima e deu valente sermão ao extremo nipónico. Na sequência do lance, o médio brasileiro Otávio interviu para acalmar o técnico portista.