Empresário que tratou das últimas transferências para o FC Porto, SC Braga e Benfica emite comunicado

Advertisement

O empresário Bruno Macedo, representante de Lucas Veríssimo, emitiu um comunicado sobre o facto de o seu nome e o do reforço encarnado constarem na lista inicial de passageiros de um avião privado no qual a polícia brasileira encontrou 500 quilos de cocaína.

«No passado mês de Janeiro encontrava-me no Brasil por estar envolvido na intermediação de várias operações entre clubes de futebol brasileiros e portugueses, nomeadamente na cedência do atleta Bruno Viana do SC Braga para o Flamengo, na transferência do atleta Pepê do Grémio para o FC Porto, e na transferência do atleta Lucas Veríssimo do Santos para o SL Benfica», começa por dizer o empresário na nota.

«Devido às restrições aéreas criadas pela pandemia covid-19, o que impossibilitou a viagem do agente do atleta Lucas Veríssimo para o acompanhar até Lisboa, foi-me solicitado que o fizesse. Tal não estava inicialmente previsto, mas obviamente acedi a fazê-lo», continua Bruno Macedo, acrescentando:

«Nesse seguimento, e face ao cancelamento dos voos para Portugal, foram equacionadas várias soluções, entre outras foi-me apresentada a possibilidade de fazermos a viagem num avião privado, solução essa que foi sempre equacionada como de recurso, mas que justificou o facto de o meu nome ter contado do manifesto de voo.»

«Ora, como é do conhecimento público, a viagem que acompanhei e que trouxe até Lisboa o atleta Lucas Veríssimo foi realizada via Paris, em voo comercial», frisa em seguida, garantindo depois: «Nunca fui alvo de buscas, não sou arguido em qualquer processo-crime, tampouco réu em qualquer processo cível.»

Depois deste comunicado, o que vai fazer a CMTV à capa de ontem em que tentaram colar o avião exclusivamente ao Benfica? Investigaram tanto e não conseguiram colocar o negócio do Pepê no jornal?

Já agora, depois daquela maravilhosa capa, tenho de dar os parabéns aos autores do “crise no Benfica” que acederam ao convite e colocaram os pés naquele lixo televisivo. Antes de mais um jogo importante, como aliás tem acontecido nas ultimas semanas.