Futeboltop

Rafa: “Sabia que era o último jogo, mas para mim o que me interessava era ganhar”

Rafa falou sobre o seu último jogo e sobre a recusa de bater penaltis. Jogador que não joga para prémios individuais ou para homenagens.

PUB

Na sua última entrevista ao serviço do Benfica, o Benfiquista Rafa Silva falou sobre o seu último jogo.

“Eu sabia que era o meu último jogo, a maior parte das pessoas sabia que era o último jogo, mas para mim o que me interessava era ganhar. Foi isso sempre que eu fiz sempre que joguei pelo Benfica, e, quando não pude estar lá dentro, o objetivo era sempre ganhar o jogo, nunca era o que A, B ou C faziam. O individual não conta para nada, e ali, para mim, fazer o golo ou não fazer, não era por aí. Eu nunca bati penáltis, não tinha por que começar agora. Não fazia sentido para mim.

Advertisement

Nenhum jogador joga para homenagens. Joga para se evidenciar. Eu acho que nunca, e sempre disse isso… nunca quis câmaras, nunca quis prémios, nunca quis nada disso. Não tive interesse, nunca vou ter interesse nisso. O meu interesse sempre foi que as pessoas gostassem de mim como homem, pelo meu caráter, pelo que eu sou, não pelo Rafa jogador. Uns gostam, outros não, isso faz parte da vida, mas… homenagens não são para mim. Não quero nada disso.

Agora podes seguir-nos no WhasApp e no Google Notícias

Foi o careca [João Mário], o careca disse essa frase(vamos ganhar também pelo rafa) e eu gostei de a ouvir, porque é uma pessoa que eu admiro muito, é uma pessoa por quem eu tenho muita consideração, é uma pessoa, um amigo que eu vou levar mesmo para a vida, tal como muitos que deixo, que deixei e que já abandonaram o Benfica. Ouvi-los dizer isso é bom porque, lá está, não é o Rafa jogador. Eles conheceram o Rafa pessoa, e isso para mim é o mais importante.”

Comentários

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Advertisement
Botão Voltar ao Topo
Mercado