AzuisFPFtop

Estádio do Dragão interdito por petardo que mandou criança para o hospital

PUB

Bater na polícia vale uma multinha e mandar petardos que atingem crianças, vale apenas um jogo de interdição

 

O FC Porto apanhou apenas um jogo de interdição porque o Conselho de Disciplina ignorou os casos de arremessos de balas para o relvado, nas agressões dos coletes azuis e no mais recente caso de agressões à polícia.

Advertisement

O incidente que resultou no jogo de interdição foi um petardo que atingiu duas crianças, tendo uma sofrido uma queimadura e outra sido assistida no hospital. Além do jogo de interdição o FC Porto vai pagar menos que o Sporting e as declarações do Carlos Xavier, cerca 8 670 euros.

Noutros países este caso tinha o estádio interdito meia época e a pessoa em questão banida do futebol. Mas estamos a falar do FC Porto e dos seus adeptos. Arremessos de balas, bolas de golf e outros objetos, são o prato do dia para aquelas bandas com a conivência do Conselho de Disciplina que continua a desbaratar o que se passa nas bancadas.

A sorte é que vão abrir processo por uma cotovelada no momento da rodinha no Estádio da Luz bem perto das bancadas, promovida pelo treinador Sérgio Conceição. Aí sim vai haver um grande castigo.

Leia também: FC Porto apanha apenas multa por agressões à Polícia

Pub
Comentários

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Advertisement
Botão Voltar ao Topo
Mercado