NotíciasPolémicasslideVerdes

Febre da mentira chega ao Record

PUB

Depois de ontem ter sido avançado pela TVI24 que Rui Costa, Hélder Malheiro e restante equipa de arbitragem confirmarem que tinham recebido camisolas oficiais do sporting SEM PEDIREM, hoje o record continua a noticiar que o clube do lumiar continua só a oferecer comida, água, serviços de fisioterapia e alguma camisola de jogo que peçam.

record

Advertisement

Tanta e tanta vez que vimos o record a reproduzir noticias via online com as seguintes fontes “segundo a TVI24, conforme noticiou a TVI24, noticia avançada pela TVI24 ou através da TVI24…”, parece que agora não agrada avançar com a verdade e apenas continuar a fazer o trabalhinho sujo a mando do trinca bolotas. É bonito fazer capas de jornal incriminando o Sport Lisboa e Benfica quando segundo o Artigo 4, ponto 6, do Código de Ética da UEFA, “os árbitros comprometem-se a não aceitar ofertas de valor superior a 200 francos suíços (ou de valor equivalente) de organismos e/ou pessoas directamente e/ou indirectamente envolvidas nos jogos da UEFA para o qual foram nomeados. Souvenirs como galhardetes ou camisolas também podem ser aceites. Em nenhuma circunstância os árbitros podem ficar com a bola do encontro. Qualquer árbitro que seja alvo de subornos deve notificar a UEFA imediatamente.”

Então mas no sporting é uma prática normal de oferecer camisolas nos valor de 74,5€ cada mas no Sport Lisboa e Benfica já é crime oferecerem a camisola do Eusébio no valor de 59€?

Depois é o SL Benfica que tem a poderosa imprensa do seu lado.

Pub
Comentários

Advertisement
Botão Voltar ao Topo