Futeboltop

Adeptos do Benfica retirados em segurança de um restaurante em França

Para evitar conflitos com a claque do clube francês a polícia decidiu agir por segurança

PUB

Quando a policia andou a pedir para que o Marselha-Benfica não tivesse adeptos no estádio do Marselha, não estava a brincar. Os níveis de insegurança estão altos e os Benfiquistas estão a cumprir com o que lhes foi pedido.

Na noite desta quarta-feira a vésperas do Marselha-Benfica, da segunda mão dos quartos de final da Liga Europa, após ter vencido o primeiro jogo, na Luz, por 2-1, dez adeptos do Benfica tiveram de ser retirados por segurança de um restaurante de “fast food” pela polícia e escoltados até aos hotéis.

Advertisement

Agora podes seguir-nos no WhasApp e no Google Notícias

Segundo explica a rádio RMC Sport, foi motivada pelo facto de dezenas de ultras do Marselha estarem à procura desses apoiantes Benfiquistas, uma informação que levou as autoridades a tentarem evitar qualquer tipo de violência.

A polícia marselhesa destacou à volta de 1000 agentes para assegurar a segurança do segundo jogo entre o Benfica e o Marselha, tendo definido um plano especial para os cerca de 3500 adeptos Benfiquistas que são esperados esta noite no Estádio Vélodrome.

Comentários

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Advertisement
Botão Voltar ao Topo