“Coates foi empurrado e elevou o braço”

Advertisement

Hoje o jornal Ojogo não tem tribunal unanime porque o Jorge Coroado decidiu fazer uma análise que mais ninguém conseguiu ver. Talvez ande a ver fantasmas do passado ou então acredita no pai natal.

Como é que um ex-árbitro consegue escrever que Coates foi empurrado quando ninguém o empurrou? É ele que impede o central de saltar e é ele que impede o guarda-redes de agarrar a bola. O lance é muito bem anulado. A não ser que algum lampião tenha escrito uma carta ao pai natal a pedir um empurrãozinho. Se assim for certamente que teremos um alerta cm.