O adiamento que motivou pagamentos suspeitos ao Estoril

PUB

Este é um dos muitos artigos que vamos fazer questão de pedir para que se investigue. Alguns com novidades, outros para reavivar a memória de quem hoje é suspeito.

O FC Porto está a ser investigado por suspeitas de viciação de resultados. Ninguém está surpreendido e em vez de se falar horas e horas sobre o assunto, tenta-se esconder o máximo para que cai no esquecimento.

PUB

Hoje recordamos o dia em que um jogo durou meses em vez dos habituais 90 minutos. Recordamos o Estorilgate com um pagamento do FC Porto ao Estoril pelo meio, e um jantar entre as pessoas que hoje são suspeitas.

Muito por investigar na transferência para o Estoril dias antes do Estoril-FC Porto e muitos factos

EstorilGate: Empresário de jogador do Estoril à mesa com Pinto da Costa horas antes da primeira parte

Foi feito um pagamento de mais de 780 mil euros, no meio de um jogo adiado, devido a uma bancada dada como segura pelo LNEC. A divida não constava no relatório das contas do FC Porto e o diretor de comunicação não foi preciso nos detalhes que deu.

O jantar polémico!

Pelo meio houve o tal jantar com os cartilheiros, Pinto da Costa, e com o empresário suspeito Pedro Pinho. Empresário que tinha um jogador do Estoril.

Paulo Baldaia, o envolvido no alegado jantar do estorilgate, segue a cartilha e faz acusações graves

Rodolfo Reis, outro do famoso jantar antes da 2ª parte do Estoril-FC Porto, pede a descida de divisão do Benfica

Um treinador derrotad

De uma derrota a vitória com o treinador do Estoril a criticar duramente a sua equipa.

“Quase que dava dó ver o Estoril em campo. Não ganhava uma bola. Foi um jogo muito aquém. E tenho de repensar, porque sou o responsável, mas estes atletas também têm de repensar o compromisso que é representar uma instituição como esta. A responsabilidade é minha, mas quem desfruta no campo tem de dar mais: uma coisa é perdermos sendo competentes, mas com um comportamento destes temos de refletir.

Não se justifica este comportamento: em 20 minutos sofrer três golos quando vínhamos de uma vantagem e tínhamos 45 minutos pela frente.”
Ivo Vieira, treinador do Estoril(na altura), em declarações na flash interview da Sport TV após a derrota com o FC Porto por 3-1 em jogo da 18.ª jornada da Liga no jogo mais longo do mundo.

Investigue-se!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.