Futeboltop

Grimaldo fala sobre a renovação

PUB

Grimaldo falou sobre o processo de renovação com o Benfica a propósito de ter atingido a marca dos 300 jogos de águia ao peito e… jogou à defesa.

300 JOGOS

Advertisement

“É um orgulho, não? Quando cheguei aqui, há sete anos e meio, não imaginava que ia atingir os 300 jogos. Mas agora no último jogo, contra o Braga, atingi este número, e é um orgulho muito grande, porque estar aqui há tanto tempo, e poder jogar tantos jogos num clube de altíssimo nível como o Benfica, é um orgulho enorme para mim.”

JOGO 300

“No momento, não pensei no número. Porque no momento estava a pensar em ganhar. Era um jogo importante, mais um jogo importante para a equipa, e não pensei no número. Depois do jogo já analisei que era o jogo 300, que era muito especial. Jogar contra o Braga, que era um jogo importante para nós, para conseguir o objetivo… Depois olhei para tudo, e claro que foi um momento muito especial para mim.”

SENTIMENTO

Pub

“Jogar numa equipa como o Benfica é difícil, porque é um clube de altíssimo nível. Tens de estar sempre num nível muito alto para poder jogar todas as semanas, e acho que com muito trabalho e sacrifício, ao longo de sete anos e meio, consegui jogar muitos jogos em cada época, sempre a alto nível. Poder chegar a este número é um orgulho enorme porque não é fácil, por detrás de tudo está muito trabalho e muito sacrifício, para em cada época poder jogar 40, 50 jogos num nível de exigência muito alto. Agora é continuar, para atingir o nosso objetivo nesta época, que é o Campeonato.”

RENDIMENTO

“São muitos jogos. A cada três dias durante toda a temporada. Mas há muito trabalho por detrás disto. Muito descanso, uma boa alimentação, e um profissionalismo do mais alto nível, que ao longo dos anos se foi aperfeiçoando para poder jogar a cada três dias sem limitações.”

ESTREIA

“Tinha chegado a um novo país, a uma nova equipa, a meio da época. Era difícil entrar e jogar. É preciso um período de adaptação. Quando chega o momento da estreia, ficas sempre um pouco nervoso, mas lembro-me que foi um momento
muito especial, com uma equipa muito confiante, que estava num grande momento. É mais fácil entrar numa equipa que está a conseguir vitórias. Nesse momento fiz a estreia [26 de janeiro de 2016], e é um dia que vai ficar sempre na minha memória.”

RECORDAÇÃO

“Falo sempre do primeiro Campeonato [2015/16]. Do jogo no Estádio da Luz, de ganhar o Campeonato, de ir depois para o Marquês… Foi algo que foi muito especial, porque não imaginava o que ia acontecer, aquilo que se passou. É algo que me vai ficar sempre na memória, porque foi algo muito especial.”

ANÁLISE

“Estou muito feliz por todos estes anos, por jogar neste clube, por poder dar tudo pelo clube, por ter passado bons e maus momentos. Não é fácil sair dos momentos em que não consegues os objetivos, mas também é uma aprendizagem para todos nós, e ajuda-nos depois a conseguir os objetivos no ano seguinte. Aprendi a jogar numa equipa em que tens de ganhar sempre, em que tens de trabalhar para conseguir os objetivos em cada época, e sair mais forte das derrotas.”

PRÓXIMO JOGO: PORTIMONENSE

“Acho que a equipa está num momento muito bom, inclusive podíamos ter ganhado por mais golos nos últimos jogos. Penso que agora há uma boa ligação entre os adeptos e a equipa para conseguir estas três vitórias nos próximos jogos.”

«Renovação? É decisão complicada, não é fácil, porque o Benfica é o clube da minha vida, porque na realidade passei aqui todos os anos da minha carreira, os bons e os maus momentos foram passados aqui. Temos de pensar no que é importante, e na realidade o importante é ganhar o Campeonato. Eu dizer se fico ou não não é tão importante como o Benfica ganhar o Campeonato», afirmou aos media do clube da Luz.

Leia também: Benfica emite comunicado sobre as sanções da UEFA – Última Hora

Comentários

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Advertisement
Botão Voltar ao Topo
Mercado