Advertisement

Imprensa fala em momentos de tensão entre dirigentes no Marítimo-Benfica

Advertisement

Insultos dos adeptos do Marítimo levam a momentos de tensão ao intervalo.

 

As Direções de Marítimo e Benfica juntaram-se, ontem, ao almoço, mantendo-se assim a tradição, naquela que foi uma oportunidade para trocar lembranças e reforçar a boa relação entre os emblemas, mas depois, no calor do jogo, houve discussão, com troca de palavras pouco bonitas entre responsáveis dos dois clubes quando Fábio Veríssimo apitou para o intervalo.

Segundo fonte, presente no local, depois de protagonizar inúmeras provocações, gritos e protestos durante a primeira parte do encontro, sempre dirigidos aos elementos da comitiva encarnada, terá sido o Marítimo que decidiu realocar a pessoa que estava no camarote.

Um comportamento que terá provocado mal-estar entre os próprios responsáveis do clube da casa. E que inclusive pediram desculpa pelos comportamentos. Seja como for, um episódio que terá deixado Fernando Seara bastante alterado com toda a situação.

Recorde-se que os adeptos encarnados transformaram os Barreiros numa espécie de miniestádio da Luz (disso deu conta, no final, o treinador dos maritimistas, José Gomes), mas alguns tiveram de deixar camisolas ou cachecóis à porta, já que o Marítimo não permitiu adereços encarnados nas bancadas dos seus sócios.

 

 

Comentários

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Botão Voltar ao Topo
A semana dos recados