O jogo da Taça de Portugal ficou marcado por dois lances graves contra o FC Porto. Com Fábio Veríssimo e Luís Ferreira no VAR só poderia dar #PortoAoColo depois de uma semana em que o presidente do FC Porto chorou pelas arbitragens nas redes sociais e Pinto Da Costa até chegou a falar em bois.

Ainda neste ano, Jonas por muito menos, até porque toca a bola e encolhe-se, foi expulso. Este lance mereceu ida ao VAR para expulsar o jogador do Benfica. No jogo do FC Porto, nem VAR, nem árbitro nem o Fontelas, nem “porra” nenhuma. Faz o que querem, às claras e ai de quem questionar.