IMPRENSASem categoriatop

Recorrem ao truncagem para atacar Roger Schmidt

Benfica ganhou e o problema parece ser o n~

PUB

Se não viu, não perca tempo em ver porque é lixo e não há forma como reciclar

 

Anda por aí um “era para ser diretor desportivo” a achincalhar o Benfica e o seu treinador o máximo que pode. E a maneira como o faz, parece um certo diretor de comunicação que foi condenado por truncar. Ora vejamos como se trunca porque não quero perder muito tempo com este tipo de “Benfiquismo”.

Advertisement

Diz o “era para ser diretor desportivo”:  “Acho que Roger Schmidt desvaloriza completamento os adeptos. Porque os adeptos se manifestam e não estão satisfeitos”

Roger Schmidt: “Ficámos muito desiludidos com o resultado contra o Casa Pia, mas isso é futebol… Sabemos dos nossos objetivos e da pressão no Benfica. Temos sempre de vencer. Se empatarmos, há barulho à volta, mas, então, temos de mostrar atitude e qualidade, e os jogadores fizeram isso hoje.” pós-Arouca

Ainda sobre os adeptos Schmidt diz em conferência:  “Acho que os adeptos foram fantásticos enquanto estivemos em vantagem, nessa altura estavam contentes com a exibição. Depois, claro, eles queriam vencer e esperavam que o fizéssemos, mas não conseguimos marcar o segundo golo e eles ficaram tão frustrados como nós. Eles querem vencer o campeonato e, apesar de dominarmos o jogo, eu entendo-os e faz parte da nossa tarefa aqui no Benfica lidar com essa pressão”.

Segue-nos no whatsaap

 

Pub

Temos sempre momentos difíceis quando não somos bem-sucedidos. Quando perdemos ou empatamos – e são nove jogos [no campeonato] em que só perdemos um e empatámos outro – cria-se logo uma situação em que ninguém está feliz. Mas faz parte do meu trabalho preparar a equipa para os próximos jogos e a única forma de mudar este momento é vencer o próximo jogo”.

Depois do vergonhoso elogio ao Sérgio Conceição que sempre que não ganha, faz um numero para ser expulso e que apelida quem o critica de papagaios, diz o seguinte: “Rubén Amorim e Sérgio Conceição criticam os jogadores quando têm de criticar, elogiam quando têm de elogiar, dão a cara nos maus momentos, o Roger Schmidt não”

Roger Schmidt após derrota com o Real Sociedad: “Não fiz tudo de forma perfeita, sou eu o responsável pelo desempenho a nível individual e como equipa, não vi jogadores em grande forma e a equipa não estava em grande forma.”

Schmidt criticou Odysseas e levou com um mês de criticas. Schmidt disse o seguinte quando elogiou Di Maria: “Também não gosto de tirar o Di María do campo, porque o quero ver a jogar, mas neste momento foi a decisão certa” ou “Enquanto eu vir que ele está fisicamente bem, claro que o deixo no campo, está em grande forma.” Mais de um mês de ataque ao treinador por elogiar um jogador e não fazer o mesmo com outros.

Diz o “era para ser diretor desportivo”: “Depois ainda diz, estamos bem na Liga estamos bem na Taça da Liga. Era o que mais faltava. Mas não fala da Champions”

Schmidt antes do Casa Pia: “Na Liga, depois de perdemos o primeiro jogo, ganhámos sete jogos consecutivos, talvez nem sempre a top nas exibições, mas merecemos todas as vitórias. Na Liga estamos no bom caminho, mas na Champions não podemos estar satisfeitos. Depois de três jogos, zero pontos e zero golos, isto é inacreditável. É minha tarefa preparar a equipa da melhor maneira”

Deixo para você a opinião, depois de ver um tipo que foi ali para arrasar o Schmidt, quando o treinador tem sido muito claro. Ou é um problema o Schmidt não falar português ou então é um problema este “era para ser diretor desportivo” não saber inglês. Mas não precisa porque as conferencias são traduzidas nos jornais. Bastava só estar atento e não passar um papel ridículo na tv.

Leia também: Mesma dinâmica mas só um foi marcado penalti – Vídeo

 

 

Comentários

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Advertisement
Botão Voltar ao Topo