Grupo Cofina manipula mais um alegado e-mail do Benfica.

Em tempo de mais um ataque feroz ao Benfica eis que sai mais uma notícia fresquinha de por parte da Cofina completamente manipulada:

“Soares de Oliveira, por outro lado, também terá tido outra linha de actuação para consolidar o poder do Benfica no futebol português quando, a 23 de Março de 2012, partilhou com o presidente da SAD, Luís Filipe Vieira, um “pensamento perverso”. Tomando como ponto de partida que a única forma de “ajoelhar” o Benfica era através do discurso da “centralização” da negociação dos contratos de direitos televisivos, Domingos Soares de Oliveira começou por dizer que para a garantir o clube teria que “comprar” os clubes médios e pequenos e remover o “louco” do então presidente da Liga, Mário Figueiredo. Sendo assim, o gestor equacionou a hipótese de o Benfica aceitar a tal centralização das negociações, pagando até 500 mil euros a cada um dos clubes pequenos.”

E agora perguntamos-lhe, sabe o que diz o suposto email?

Domingos Soares de Oliveira num alegado email enviado para Luis Filipe Vieira, em 2012, escreve que para “ajoelharem” o Sport Lisboa e Benfica há clubes que querem centralizar os direitos de televisivos. Para atingirem aquele objetivo supostamente andaram a aliciar os clubes pequenos para demitirem Mário Figueiredo, presidente da Liga na altura. Presidente que o Benfica apoiou. Com isso, o poder ficaria apenas centralizado na FPF, a Olivedesportos (sabendo que ganha o concurso da centralização) supostamente pagaria mais 500 mil a cada pequeno em vez de pagar o que o Sport Lisboa e Benfica pedia.

O email em questão é nada mais nada menos que uma interpretação de Domingos Soares de Oliveira sobre a estratégia dos rivais do clube da Luz. Vejam o email anexado, o conteúdo é altamente deturpado pelos media portugueses e isto é gravíssimo, jornalismo não é isto. Voltamos a dizer, maior parte dos media em Portugal são tudo menos imparciais. E prova disso é esta notícia.

Partilhem e façam chegar isto a toda a gente, vamos desmascarar esta manipulação do grupo Cofina.